DIY: Como fazer uma cortina de fitas?! #RadarCarioca

Semana passada aqui no blog falei sobre cortina de fitas na decoração, e hoje vou explicar e ensinar como fiz a minha.

cortina de fitas coloridas

No post de decoração expliquei que eu tinha uma porta ali, mas tirei pois ela estava me atrapalhando. Ao mesmo tempo o vazio estava me incomodando demais, foi quando vi no Restaurante Balada Mix essa ideia e me apaixonei.

O primeiro passo é comprar as fitas e o varalzinho de banheiro para ser o suporte das fitas (ele tem um extensor interno que aumenta e diminui de acordo com a necessidade e o tamanho do espaço):

varal de banheiro

fitas para cortina

fitas cortina de fitas

Daí eu medi a distância entre o chão e o topo do portal [a altura da porta mais ou menos], dobrei a metragem e acrescentei 15 cm de sobra para dar o “nó”, e cortei as fitas. A mesma quantidade de tiras em todas as cores.

fitas coloridas cortina de fitas

Com as fitas cortadas, dobrei ao meio e dei o “nó”, como na foto abaixo:

no nas fitas

No caso da minha porta 5 tiras de cada cor foram suficientes para ocupar todo espaço..

colocando as fitas

cortina excesso

Agora é só cortar o excesso de fita… e voilá!

cortina de fitas pronta

cortina de fitas coloridas

Não tenho muitas fotos diferentes da minha cortina pois o ângulo para bater a foto é péssimo e ela fica na entrada de um dos quartos, num cantinho. Mas espero que tenham gostado! :)

B-jinhus, Clau Speroto

E agora vamos ver o que as outras meninas do Radar Carioca fizeram de DIY (do it yourself = faça você mesmo):

assinatura-vs3-radarcarioca

Claudia Speroto: Você acabou de ler! :)
Cristina Magaldi: Bolsa de palha customizada
Júlia Carvalho: Aproveitar o verão
Monique Bittencourt: Blusa customizada para o verão

DIY: Pintando moldura de quadrinho com Color Jet – #RadarCarioca

Se tem uma coisa que adoro fazer é DIY (Do It Yourself = Faça Você Mesmo)! Adoro colocar a mão na massa. Adoro inventar/copiar algo legal e fazer eu mesma! Algumas vezes dá certo, outras nem tanto…. Outras ficam uma bosta mesmo! Já fiz tanta coisa legal… pena que não registrei para postar aqui. Mas a partir de hoje tudo será diferente… Apesar que mostrei aqui neste post como coloquei, eu mesma, papel de parede na minha cozinha!

E este é o tema do nosso Radar Carioca de hoje: DIY: Faça Você Mesmo!!! E vou mostrar com fiz um DIY pintando com color jet!

diy do it yourself

– Imagem retirada do site GPL in the House

Recentemente fui comprar molduras para colocar o programa de uma peça que fui [foi tão boa que falei aqui sobre ela], mas cismei que queria nas cores vermelha e amarela. A vermelha tinha, ok! Mas a amarela estava em falta, e mesmo contrariando a afirmação da vendedora de que nenhuma tinta pegaria no material da moldura, comprei a branca para pintar em casa. Poderia ter esperado chegar? Poderia. Mas sou pisciana e teimosa, se saí de casa para comprar ‘a parada’, tenho que comprar ‘a parada‘!

pintando moldura com color jet

Daí comprei o Color Jet da marca ColorGin, por indicação da minha mãe [ela me disse que era a melhor marca, e eu acredito nela], na cor Amarelo Brilhoso.

faça você mesmo pintando moldura em casa

O primeiro passo é forrar bem área em que você vai pintar o objeto pois o vento “leva” a tinta [deixei um pedaço da minha varanda sem cobrir e acabei pintando um trecho do chão, hahaha]. Outro passo é remover da moldura o fundo e o vidro, e deixar somente a parte que será pintada.

pintando diy

Feito isso, agite bem o color jet, mantenha uma distância mínima de de 20/25 cm e aperte a válvula de forma contínua [eu tinha esta dúvida se era de forma contínua ou leves toques, mas mamis me explicou que é assim, e a distância mínima é para evitar acumular muita tinta no mesmo local e evitar de ficar escorrendo].

pintando moldura com color jet faça voce mesmo

Como sou malandra, já tinha amassado um cabide de roupas para apoiar a moldura enquanto ela secava. Uns 5 minutinhos depois e já estava tudo seco. Tirei a moldura do cabide e pintei a parte da frente [comecei pela parte de trás]. Pendurei novamente no cabide estilizado e deixei secar. 5 minutos depois, ali mesmo no cabide dei um acabamento final retocando partes que achei que precisavam.

pintando moldura com color jet do it yourself

Para me certificar que estaria bem seco, mesmo não precisando, deixei a moldura pendurada no cabide por 1 hora e só depois coloquei o vidro e o programa da peça. Uma dica para fazer isso é escolher um dia de sol, pois em tempos úmidos a tinta demora mais para secar. Outra opção é usar o secador de cabelo para acelerar a secagem. Mas seca tão rapidinho que nem precisa, né?!

faça você mesmo diy

Lembre-se: Quando terminar de usar o color jet, vire-o de cabeça para baixo e fique apertando a válvula até parar de sair tinta para evitar dela secar lá dentro e entupir seu equipamento!

E assim ficou depois de pronto, com os programas já instalados em sua nossa casinha:

quadrinhos prontos faça você mesmo diy

Esta foi minha primeira experiência usando color jet e posso falar? Adorei!!!! Já estou doida para pintar mais coisas!!!! Só não sei o que… e agora vamos ver o que as outras meninas do Radar carioca fizeram?!!

radar carioca integrantes em ordem

1. Allê: Estampa manual com carimbos
2. Claudia Speroto: vc acabou de ler!
3. Claudiane: Reestilizando o guarda roupa
4. Cristina: Transformando a Prancheta em Bloco de Recados
5. Dafne: Palavra decorativa
6. Flavia: Cadernos Personalizados – Especial Volta às Aulas
7. Julia Carvalho: Dando upgrade
8. Julia Xavier: Caixa de MDF forrada com tecido
9. Maressa: Softbox – Iluminação para fotos e vídeos
10. Monique: Triângulos na parede
11. Paloma: Porta Pinceis
12. Priscila: Quadro Paris

Quem me acompanha no SnapChat (segue lá: ClaudiaSperoto) pôde ver em tempo real eu pintando, aliás, a tinta na mão e unhas foi saindo facilmente ao longo do dia, lavando louça e tomando banho.

Mas me fale de você, qual foi o DIY mais legal que você já fez ou que gostaria de ver por aqui?
B-jus, Clau Speroto

Uma Conexão Carioca

Este mês de novembro o Usei-Contei completa 6 anos de vida!
6 anos de muitas resenhas… muitas dicas de produtos… uns bons, outros melhores ainda e alguns péssimos. Conheci marcas que até então não conhecia, usei produtos que não compraria por ser “fidelizada” a outros fabricantes e que, para minha surpresa, acabei me tornando cliente destas novas. Muitas coisas boas aconteceram nestes 6 anos de blog, que se fosse listar, não caberia na página inicial, mas o melhor que o blog me trouxe foram pessoas! Leitoras queridas e amigas blogueiras que ficaram e ficarão para a vida toda!

banner 250

Com tanta amizade e carinho envolvidos, resolvemos criar o grupo Conexão Carioca, que é formado por 5 blogueiras do Rio de Janeiro, onde a ideia é fazermos um encontro semanal, às quintas, no blog de todas. Um tema será escolhido e todas irão postar no mesmo dia, mas cada uma com sua visão, uma dica exclusiva, indicação de produto, receitinha própria… vários temas já estão sendo levantados e o céu é o limite para tanta criatividade! Também, um grupo de 5 mulheres, né?! Não poderia se esperar nada diferente!!! São elas, em ordem alfabética:

Ana Farias, do blog Trendy Twins:
Professora de francês, 42 anos, moradora de Niterói. No meu blog posto minhas experiências e opinião sobre produtos de beleza, moda, comportamento, e mais um pouco de tudo (culinária, cultura, dieta, etc). Meu objetivo é ajudar às pessoas a se tornarem consumidores mais conscientes, informando-os sobre as novidades mas alertando-os contra a cultura do tem-que-ter.

amigas 1

Claudia Speroto, do blog Usei-Contei: (euzinha, linda!):
39 anos, carioquíssima, cervejeira e pisciana. Ama pizza, pipoca, filme de terror e viajar. Faixa marrom de karatê, adora cozinhar e se esconde em Jacarepaguá. Seu objetivo com o blog é dividir com o mundo boas indicações de produtos e alertar os consumidores daqueles que não valem a pena ou não cumprem o prometido.

amigas 2

Dafne Dias, do blog Elfinha:
Também conhecida como Elfinha, é ariana de 24 de Março de 1984. Nascida e criada no Rio de Janeiro capital, onde se formou em Comunicação Social. Tem personalidade forte, porém é considerada uma “Madre Tereza de Calcutá” por sua bondade e inocência. É gateira, conhece o cardápio do Outback de cor e ama a Orlando (Flórida). No blog escreve sobre o universo feminino, viagens, restaurantes e o que mais “der na telha”!

amigas 3

Luciana Gimenes, do blog Sacolando:
29 anos, musicista,  moradora do Rio de Janeiro. Apaixonada por blogs/sites há bastante tempo, começou se  divertir nesse universo com o seu primeiro site aos 12 anos e de lá pra cá não parou mais! Amo sua família, seus amigos, música, dançar, natureza, fazer trilhas, ir à praia, viajar muito, assistir seriados, fazer comprinhas e claro, o Sacolando. O blog foi criado em abril de 2009 com o intuito de compartilhar experiências com produtos de beleza. Tem como objetivo divulgar resenhas de maquiagens, perfumes, esmaltes, produtos capilares e muito mais.

amigas 4

Patricia Meireles, do blog Fuxico de Mulher:
Taurina, 47 anos (cruzes), Administradora e Advogada de formação e profissão. Carrega um lado B forte e latente,  e para dar liberdade a ele criou o Blog Fuxico de Mulher, um espaço para experiências, desabafos e muito Fuxico.

banner final de post 600Ana FariasDafne DiasLuciana GimenesPatrícia Meireles

Lembrando que dia 05 de novembro temos um encontro marcado aqui no blog com o nosso post de estreia!!!! Agora fiquem com mais um pouquinhos de nós.

junto e misturado 1

direto do tunel do tempo

B-jinhus, Clau Speroto

Faça Você Mesmo – Decoração: Colocando Papel de Parede

papel de parede na cozinha

Eu sou uma pessoa super adepta do Faça Você Mesmo. Se tenho condições, algum conhecimento ou simplesmente boa vontade e disposição, vou lá e faço.

Há dois anos atrás fiquei louca querendo colocar um papel de parede no banheiro de casa depois que vi em um banheiro de shopping aqui do Rio. Escolhi a mesma combinação de cores e desenho parecido, tamanho foi minha paixão. Mas como nunca tinha feito, fiquei com medo de estragar e contratei uma pessoa especializada no assunto. Vi como ele fez, achei difícil e preciso, mas não impossível. Foi aí que começou minha saga.

cozinha branca

Um tempo depois estava achando minha cozinha muito monótona, tudo muito branco. E comecei a namorar papeis de parede que remetem a azulejos. E depois de alguns meses de pesquisas e indecisões, me apaixonei por este:

Sem Título-1

Mas desta vez não quis pagar ninguém para colocar, chamei uma super ajudante, minha mãe [na verdade eu que fui ajudante dela, rs]. Ela chegou na minha casa por volta as 10h da manhã e caímos dentro do trabalho!

Primeiramente retirei os espelhos de tomada, limpei bem o local com água e sabão para tirar qualquer gordura que pudesse existir, sequei e depois limpei novamente com álcool. Como o papel é inteiriço, achamos que seria mais fácil aplicar por módulos.

aplicar papel de parede

[infelizmente não rolou tirar o filtro e nem a torneira, teria sido muito mais fácil sem eles]
Um problema que tivemos foi o tamanho dos ladrilhos x tamanho do ladrilhos desenhados no papel – como podem ver na foto acima – Medi antes da compra meus azulejos, 15x15cm cada. E o fabricante do papel dizia: ladrilhos de aproximadamente 15x15cm [acho que a ideia deste papel de parede é colocar em parede lisa, e não parede já ladrilhada, mas tudo bem]. Problema contornado usando mais o cérebro e dando um tico a mais de trabalho. Quando a diferença começava a ficar muito grande, usávamos 2 adesivos (2 ladrilhos) da mesma estampa sobrepondo o desenho, ou um adesivo e meio (1 ladrilho e meio), e assim seguimos colando.

coloque voce mesmo papel de parede

Lembrando que o papel de parede que usei é autocolante e o fabricante já manda uma espátula para aplicação. Ainda assim usamos também: tesoura, estilete, alfinete, trena, e uma caixinha de CD,  pois não encontrei minha régua. rs

colocar papel de parede em casa

Confesso que em alguns momentos me batia um estresse, dor nas costas e um pensamento de “Por quê??? Por quê resolvi fazer isso? Por quê?“. Em alguns lugares, principalmente atrás do filtro, demandou muita precisão, quase um serviço de cirurgião!! E finalmente, as 19h, terminamos tudo e todos os ajustes, porque né.. por mais capricho e empenho que se coloque, não somos profissionais da área, então tudo foi feito bem devagar e com cuidado. Até as pequenas bolhas de ar que se formaram e não conseguíamos desfazer, depois foram lindamente exterminadas com um simples furinho de alfinete e uma empurradinha com a espátula.

Eu sei que no final valeu super a pena todo esforço, dedicação, esmero, boa vontade e capricho, porque ficou uma graça!!!! O meu muito obrigada a minha mãezinha linda que me ajudou.

Se eu faria de novo?? Claro, com certeza!!!
Estou doida para colocar um papel de parede na cabeceira da minha cama!Mas vamos ao antes e depois: colocar papel de parede ladrilho em casa sozinho antes e depois

Como eu falei para vocês, sou super adepta do faça você mesmo. Amo coisas e sites de decoração e queria aproveitar este post para indicar site de arquitetos, onde o foco é arquitetura, decoração e design, tudo a ver né? O site é o Homify, e eles dão bastantes dicas e fotos com ideias lindas! Vale a pena dar uma conferida!

E vocês, gostaram do primeiro post Faça Você Mesmo? Querem mais???
B-jinhus, Clau Speroto